Hoje foi o lançamento da Revista O Povo Noivas 2013. Mais uma vez estou radiante com o reconhecimeto do meu trabalho no meio jornalístico. Foram mais de vinte imagens publicadas na revista, em diversos editoriais. Muitas delas, em página inteira, abrem secões importantes, como as que tratam de beleza e fotografia.

Além disso, fui entrevistado no “guia de fotografia”. Leia um trecho da entrevista:

O Povo – Quais são os momentos mais emocionantes de um casamento, na sua opinião?
Fábio Meireles – Existem os mais esperados: a entrada da noiva na Igreja, o beijo ou a primeira dança, mas acredito que os momentos mais emocionantes num casamento se mostram de forma sutil, à margem do rigor cerimonialístico: o pai ao ver a filha de noiva, o olhar da noiva ao abrir da porta da Igreja, as promessas no altar e, principalmente, momentos íntimos que ocorrem ao longo do casamento, como troca de olhares e reencontros. O grande desafio do fotógrafo de casamento é ter sensibilidade e estar afinado a essas pequenas coisas. Para retratar emoções é preciso, antes de tudo, sentir.
O Povo – O que diferencia a fotografia do casamento moderno, dos dias de hoje, para o da época “analógica”, mais clássica?
Fábio Meireles – O avanço tecnológico possibilitou um salto de qualidade na fotografia. Muitas dificuldades técnicas ficaram no passado e o bom resultado da imagem, no que se refere à iluminação, foco, nitidez e enquadramento tornou-se pressuposto. Hoje em dia buscamos muito mais que uma foto bem iluminada, focada e enquadrada. A busca da atual fotografia de casamento é pela verdade, pelo momento, pela intensidade. Tentamos parar o tempo, para que a foto não seja apenas para relembrar, mas para reviver. Saber contar histórias talvez seja o principal requisito do novo fotógrafo de casamento.
O Povo – Quais fotos você nunca deixa de fazer em um casamento?
Fábio Meireles – As verdadeiras! Normalmente fazemos três abordagens fotográficas: registramos tudo o que aconteceu, fazemos as fotos clássicas posadas, de acordo com a vontade dos noivos, e fotografamos de forma quase autoral, com absoluta liberdade estética. A noiva recebe todas as imagens e pode dar ao álbum a forma que preferir. Nada é esquecido, desde a foto clássica do casal cortando o bolo a um detalhe sutil da decoração. A ênfase que será dada à cada abordagem: registro, clássico ou artístico, é definida com cada casal antes do casamento.


















Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s